Bebê é abusada e mulher de estuprador revolta: ‘Ela pedia e queria mais’

Compartilhe
  • 322
    Shares
Parceiro

A capital do estado do Amazonas, Manaus, virou alvo de mais um estupro envolvendo bebês. Depois do caso em que uma bebê de 7 meses foi estuprada pelos pais em um motel da capital, [VIDEO] agora uma menina de 3 anos também foi molestada.

De acordo com informações do jornal ‘’Em Tempo’’, o crime ocorreu no bairro Jorge Teixeira. Um homem, de cerca de 40 anos, teria abusado da menina diversas vezes.

Mulher de estuprador de bebê diz que criança é culpada por instigar abusador

Após denúncias, o estuprador, que não teve o nome revelado, acabou sendo preso. O caso repercutiu, após a esposa do abusador dizer que ele não era culpado, mas, sim, a menina que era estuprada.

De acordo com ela, era a garota quem instigava o homem a transar com ela.

Pior, a bebê, segundo a esposa do violentador, teria até a capacidade de pedir mais estupros.

Parceiro

Estupro de menina de 3 anos em Manaus ocorreu durante festa de aniversário

As únicas informações passadas sobre o suspeito é que ele seria conhecido da família da garota. O homem moraria na mesma rua que a família dela. O vizinho, mesmo conhecendo os pais da criança, cometeu o abuso terrível contra a menina bebê. As cenas aterrorizantes acabaram ganhando a mídia e tiveram forte repercussão. O abuso aconteceu, segundo as autoridades, durante uma festa de aniversário, que seria do tio da menina bebê.

De acordo com o pai da menina de 3 anos, ela estava brincando com outra menina da região. Elas sempre usavam o quintal para se divertirem e, frequentemente, passavam pelo quintal do estuprador. Foi então que a menina sumiu e começou a procura dela.

O tal homem que cometeu o abuso teria saído nervoso da casa e levou a bebê para sua mãe. Então, a menina então contou que foi estuprada.

Vítima diz para mãe que foi abusada pelo vizinho

Por sua vez, a mãe da menina, uma jovem, de 19 anos, disse que, quando ela foi dar banho na filha, ela disse que estava com dores em suas partes íntimas.

Ao se questionada sobre as dores, a garotinha disse que o homem teria tentado enfiar seu órgão genital em suas partes.

Mulher de estuprador diz que menina gostava e queria abuso

Já a mulher do abusador disse algo horrível para o pai da criança, como ele relatou na entrevista dada ao site do jornal ‘’Em Tempo’. “A mulher dele ainda disse que minha filha era a culpada. E se o marido dela fez isso foi porque minha filha queria e tinha gostado”, afirmou ele, causando grande indignação em muitas pessoas.

Os exames, que podem comprovar o abuso, ainda não foram feitos. Isso ocorreu pela falta de médico no IML (Instituto Médico Legal) de Manaus, o que provocou grande indignação.