Mãe fica aterrorizada com erro médico que realizou procedimento desnecessário na boca de seu recém-nascido

Compartilhe
Parceiro

Uma mãe sempre toma todo o cuidado do mundo com seu filho recém-nascido, afinal, eles são frágeis e dependem totalmente de nós. Ainda no hospital, o bebê deve passar por todos os procedimentos necessários para verificar sua saúde e, assim, poder ir para casa com sua família.

Mas o caso de Jennifer Melton foi algo bem mais complicado que isso. Ela deu a luz ao pequeno Nate extremamente saudável e, no dia seguinte quando a enfermeira veio buscar seu filho para os procedimentos de rotina, a nova mamãe estava calma e relaxada, pois o que poderia acontecer de errado em uma maternidade?

Para ela, o pequeno apenas seria pesado e teria o tipo de sangue analisado, nada fora do normal.

Foi quando Nate voltou para o quarto com algo diferente: estava com diversas manchas de sangue debaixo de sua língua! Jennifer imediatamente se desesperou, afinal, o que havia acontecido com seu filho?

Ela ouviu uma enfermeira dizendo sobre um “corte de língua” que fizeram no bebê. O médico, na verdade, realizou uma frenulectomia em Nate, uma operação cirúrgica que remove o pedaço de tecido que liga a língua ao chão da boca. Jennifer não entendia porque fizeram isso se ele não tinha nenhum problema de saúde que necessitasse do procedimento.

Parceiro

Ela acabou descobrindo o que já imaginava: os médicos tinham pedido para as enfermeiras o bebê errado, e por engano realizaram a cirurgia que Nate não precisava de forma alguma. Como era de se esperar, o responsável admitiu o erro e pediu desculpas pelo engano.

Um engano que deu à Jennifer uma enorme dor de cabeça. Ela agora está compartilhando sua história com outras famílias para que não passem pelo mesmo pesadelo.

 

Realmente imaginamos o desespero dela por um erro totalmente do hospital. Às vezes, nem em uma própria maternidade temos segurança para os nossos filhos.