Menina de 13 anos é agredida dentro de escola por “ser bonita”

Compartilhe
  • 48
    Shares
Parceiro

Uma menina de 13 anos foi agredida dentro do CEU (Centro Educacional Unificado) Jaçanã, na quinta-feira (31), por pelo menos dez alunas por “ser bonita”.

Jovens de 14 anos da 8ª série participaram da agressão dentro da escola.

— Assim que me deram o murro eu caí no chão e um monte de menina começou a puxar cabelo e a me chutar.

Ferida, a jovem foi levada para o hospital. Apesar das dores que sentia na cabeça e nas costas por conta dos chutes, a menina não sofreu ferimentos graves, mas ainda se recupera de um machucado no olho esquerdo.

Segundo a mãe da adolescente, as ameaças já eram constantes durante os intervalos e até mesmo pelas redes sociais desde o início do ano.

Parceiro

— Tive que mudar toda a rotina pra levar e buscar na escola porque o meu medo era na saída.

A agressão virou caso de polícia e um boletim de ocorrência foi registrado. A delegacia de ensino também foi acionada e a família participou de uma reunião no conselho tutelar junto com a diretoria da escola.

Segundo a mãe da jovem, a solução encontrada pelos coordenadores da escola teria sido a transferência da vítima para outra unidade mais próxima, mas ela ainda está sem vaga. Os agressores continuam estudando.

Por nota, a prefeitura regional disse que está acompanhando o caso é que seis estudantes já foram identificados.

Segundo Geraldo Gonçalves, presidente do conselho federal de educadores e pedagogos, a jovem está sendo prejudicada ao ser afastada dos estudos.